Open Source Sofware

Transporte

SMTT lamenta casos de vandalismo nos terminais de integração do transporte público




08.04.21 16:10

A Prefeitura de Aracaju, por intermédio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), tem adotado medidas para reduzir os riscos de transmissão comunitária do coronavírus no transporte público da região metropolitana.

Além desse desafio que também está sendo enfrentado em outras cidades do país, a gestão municipal precisa lidar com os casos de vandalismo nos terminais de integração, que tem atingido com frequência os recipientes com álcool instalados para estimular a higiene das mãos dos usuários do serviço.



Na terça-feira, 6, por exemplo, dois recipientes instalados no Terminal do Mercado foram vandalizados. Segundo o superintendente da SMTT, Renato Telles, toda semana pelo menos dois recipientes precisam ser substituídos ou receber reparos nos terminais da cidade para que a população não fique desassistida.



“Desde o início da pandemia, trabalhamos para reduzir o risco de contaminação no sistema de transporte público da cidade, seja nos ônibus ou seja nos terminais. No entanto, toda semana registramos casos de furto ou vandalismo nos recipientes instalados, contendo álcool 70% para as pessoas. Além do tempo de reposição, quando as pessoas ficam sem o álcool disponível nas entradas dos terminais, essa prática ilegal causa prejuízos aos cofres públicos”, alerta Renato.



Ele completa pedindo a colaboração das pessoas. “Sabemos que são atos de vandalismo, não são praticados pelos usuários diários do sistema de transporte público. Mas esses usuários podem denunciar este tipo de atitude à Polícia Militar, pelo 190, ou à Guarda Municipal, pelo 153”, pede o superintendente.



Outros casos
Recentemente, a SMTT também registrou mais um ato de vandalismo no Terminal da Maracaju. Durante a madrugada, os banheiros, que tinham passado por reforma há menos de uma semana, foram quebrados e pichados.




telefones-home620

banner-fala-cidadao3