Open Source Sofware

Trânsito

Plano de mobilidade: projeto começará a ser implantado em Aracaju




19.03.18 19:08

Foto: Marco Vieira 

Ter uma cidade inteligente, humana e criativa é uma das metas da gestão do prefeito Edvaldo Nogueira. Para alcançá-la, diversos projetos têm sido desenvolvidos na cidade, entre eles o projeto de mobilidade e a construção do plano de mobilidade urbana, desenvolvidos por meio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT).


De acordo coma diretora de Planejamento e Sistemas da SMTT, Lucimara Passos, este ano será colocado em prática o projeto de mobilidade baseado no plano de mobilidade construído na gestão anterior de Edvaldo Nogueira.


"Em 2012, o plano de mobilidade foi aprovado e conveniado pelo Ministério das Cidades e enviado para a Câmara de Vereadores de Aracaju, onde foi aprovado, mas não foi sancionado pelo gestor seguinte. Entre os anos de 2013 e 2016, a gestão anterior optou em montar um novo plano de mobilidade, que também não avançou. Em 2017, com o retorno de Edvaldo à Prefeitura de Aracaju, é retomado o projeto de mobilidade, sendo substanciado pelo plano de mobilidade original deixado em 2012", explicou.


Segundo ela, o projeto original retomado no ano passado já indicava o Bus Rapid Service (BRS) como o sistema de transporte mais adequado para a capital por conta da grande eficiência e baixo custo.


"Paralelamente a isso, foi instituído um grupo intersetorial de trabalho onde participam a SMTT, Emurb, Semict e Seplog, e estamos revisando os dois planos e construindo a nova proposta de lei, preparando pra executar o plano de mobilidade deixado em 2012 e preparando o plano de mobilidade para o futuro da cidade", informou Lucimara Passos.


Ainda deacordo com Lucimara Passos, o projeto conveniado em 2012 está em fase de execução.


"Temos R$ 140 milhões, sendo R$105 milhões do Ministério das Cidades e R$ 35 milhões frutos de parcerias. Além disso, estamos discutindo quais os passos necessários para o futuro, na forma da lei. Esse plano está sendo construindo paralelamente com o plano diretor, pois uma afeta o outro", ressaltou a diretora de Planejamento e Sistemas da SMTT.

telefones-home620

banner-fala-cidadao3